English Portuguese Espanhol

Curso rápido de iluminação: Desenho!

Conheça - Curso rápido de iluminação: Desenho!

Curso rápido de iluminação: Desenho!

Que pensa você quando pensa em iluminação?

Com frequência, quando falamos com iluminadores que não são desenhadores, fala-se de desenho da iluminação como se fosse uma arte antiga e mística. Isto não tem que ser assim.

No nível mais básico, todo o desenho pode ser expresso numa frase: O desenho é tomar decisões.

Quando um desenhador de iluminação se propõe o desenho de iluminação para um show, uma produção teatral, ou clube noturno, tem que saber que A LUZ tem um conjunto de funções que servem de iluminação e uma seleção de componentes para cumprir com essas funções.

A primeira função da luz, e a mais importante, é precisamente proporcionar a iluminação. Embora isto possa parecer óbvio, pode ser fácil de esquecer quando nos enfrentamos com uma enorme seleção de acessórios de iluminação. Um desenho de iluminação que não presta iluminação é como uma cadeira sem assento, não importa o bonita que seja, segue sendo basicamente inútil.

Outra função da luz é definir o espaço. Isto é mais evidente em shows ao vivo, ou em teatro, onde o palco está aluminado e o auditório se escurece. Mais sutilmente, um desenhador de iluminação pode dar a impressão de dois lugares diferentes no palco, ao mesmo tempo, simplesmente pelo isolamento em sectores separados pela luz.

Usar a luz para definir o espaço é útil também fora do palco. Numa boate, por exemplo, a pista de dança geralmente tem uma iluminação brilhante e colorida, enquanto os outros setores estão isolados separados por suas próprias “ilhas” de luz. Numa casa encantada, as exposições espeluznantes são iluminadas por luzes pontuais, Enquanto os clientes vagam pela escuridão.

O estabelecimento do estado de ânimo é muitas vezes confuso e difícil para um desenhador principiante. Uma boa maneira de encontrar a iluminação adequada para o estado de ânimo que se quer estabelecer é olhar as imagens que evocam um estado de ânimo similar. Olhar a luz que o artista escolheu para essa imagem é uma boa técnica. É a luz brilhante ou tênue? É toda a cena iluminada, ou há diferentes estados dentro dela? O artista utiliza cores saturadas, ou tons mais claros? Os desenhadores profissionais analisam todo o que veem, e criam um catalogo mental que vai ser consultado para cada tipo de cena ou estado que se deseja criar.

Cada vez que você decide onde pôr uma luz, está fazendo uma decisão de desenho. Esteja ou não consciente disso, para que a luz sirva a todas as funções anteriores.

Se falamos de Luz Laser, os primeiros lasers (desenvolvidos por Maiman e seus contemporâneos) utilizavam materiais pouco frequentes e luzes de alta intensidade para criar o feixe de laser. Isto significou que o equipo necessário para criar um efeito laser fosse muitas vezes caro para a maioria das pessoas. Recentemente, o desenvolvimento de laser de díodo levou a ter uma grande quantidade (alguns diriam em excesso) de equipes de baixo custo, desde os ponteiros laser, os escâneres de códigos de barras até os efeitos especiais de iluminação.

Se falamos de diodos laser utilizados para criar efeitos especiais de iluminação, diremos que o intenso feixe de luz, em qualquer de seus muitos patrões geométricos, cria um aspecto surpreendente num cenário ou pista de dança. Este efeito acentua-se quando o feixe se projeta por uma atmosfera saturada de nevoeiro gerado por uma máquina de fumaça. Isto pode criar enormes feixes de luz ou “túneis laser” em redor dos artistas. Além disso, um conjunto de espelhos motorizados podem ser acrescentados para criar uma simulação de um efeito de iluminação inteligente e aumentar o impacto geral do laser.

Os lasers classificam-se segundo a quantidade de energia que produzem e o perigo biológico de suas emissões. Devido a que muitos dos equipamentos de laser modernos utilizam grandes potências, o raio que se cria, pode ser prejudicial para o olho se for visto diretamente.

Portanto é uma boa ideia, para qualquer que use este tipo de equipamento, que a posição da unidade e dos espelhos para desviar o feixe sejam colocados de maneira que os membros do público, clube ou os assistentes não o vejam diretamente. O posicionamento do laser nos cantos de seu espaço ou apontando para baixo num ângulo empinado pode evitar que as pessoas procurem acidentalmente o feixe de luz.

Esperamos que nossas dicas lhes sejam de utilidade, e anime-se a utilizá-las para tirar o melhor proveito de seu equipamento usando alguma das técnicas de desenho que temos compartilhado.


Solicite um orçamento

Whatsapp USA